quarta-feira, 9 de junho de 2010

Janela

Olhou pela janela e descobriu como o mundo é bom.

E simples assim.

Sentiu o que por muito não sentia.

 Estava jovem.

Era jovem.

Sentiu o vento frio.

Gelado.

Fechou os olhos e seu corpo estrava frio.

Mas ao lado a tristeza do mundo de volta.

Um comentário:

Caroline disse...

Não importa quanto frio faça lá fora, mantenha o coração aquecido.
Deus sabe que precisamos de mais gente assim no mundo...